Apesar de não estar na lista de itens indispensáveis para se proteger do surto de coronavírus, presentear alguém com uma rosa pode ser uma boa maneira de levar mais alegria em tempos de confinamento. E esse é um produto que tem de sobra na cidade de Kakegawa, uma das maiores produtoras de rosa na província de Shizuoka.

Todos os anos em março, as cerimônias de formatura elevam o preço das rosas devido à grande demanda. Mas com o cancelamento desses eventos o preço do botão ficou 70% mais barato na cidade, em comparação com o mesmo período do ano passado.

Diante dessa situação, a Prefeitura de Kakegawa lançou a campanha Projeto Rosa Cheia, na tentativa de estimular o consumo e consequentemente ajudar os produtores que se viram com a produção do período estagnada. A cidade promove rosas exibindo arranjos na sede da prefeitura e cooperando com o escritório de vendas diretas agrícolas da cidade.

De acordo com a Divisão de Rosas da Cidade de Kakegawa, o município produz cerca de 2,8 milhões de rosas por ano, com um faturamento anual de cerca de 280 milhões de ienes.

VEJA ONDE COMPRAR EM KAKEGAWA

* Nishi-no-shi ( 27-2 Hongo, Kakegawa-shi)
Telefone: 0537-28-8263
* Fazenda de Sunsun (Obuchi, Kakegawa-shi 1456-312
)
Telefone: 0537-48-6368
* Koshikodokoro (1-1-1, Minami, Kakegawa-shi)

Telefone: 0537-22-1616
* Michinoeki Kakegawa ( 882-1 Yasaka, Kakegawa-shi)

Telefone: 0537-27-2600

rosas - Preço da rosa em Kakegawa cai 70% e campanha estimula consumo