Nacional

Estação Harajuku, em Tóquio, fecha as portas após 96 anos

Após 96 anos de serviço a estação de Harajuku, em Tóquio, fechou permanentemente as portas do histórico prédio de madeira no último sábado, dia 21, com a presença de centenas de pessoas que acompanharam a cerimônia.

Uma equipe de funcionários, vestindo uniforme de gala, se enfileirou na entrada do edifício e gritou “Muito obrigado pelos últimos 96 anos”, antes de se curvarem em respeito quando a persiana foi fechada pela última vez.

Muitos habitantes de Tóquio, assim como um grande número de viajantes com boas lembranças de suas visitas a Harajuku, ficaram tristes em se despedir, mas a separação foi inevitável.

Estação Harajuku é a estação de madeira mais antiga de Tóquio e tem sido usada por gerações de moradores e milhões de turistas de todo o mundo (Foto | Pakutaso)

A Japan Railways anunciou inicialmente planos para reconstruir a estação no verão de 2016 e, embora alguns tenham pedido para salvar o prédio, a estrutura não estava em conformidade com os códigos de segurança contra incêndio de Tóquio .

FECHA E ABRE

Nas primeiras horas de sábado, a Estação Harajuku, que fica ao longo da Linha Yamanote da Japan Railways, enviou seus últimos trens antes de fechar. No entanto, três horas após seu fechamento, o novo prédio da estação, com o mesmo nome, foi aberto ao lado da antiga.

A nova estação traz várias melhorias, começando com quatro vezes mais espaço. A nova estação tem saídas não apenas para as ruas comerciais Omotesando e Takeshitadori, mas também uma saída permanente para canalizar visitantes em direção ao Santuário Meiji (a saída do Santuário Meiji da antiga estação estava aberta apenas por alguns dias no início de cada ano novo), e a mudança de um layout de plataforma única para um duplo deve facilitar a aglomeração enquanto as pessoas esperam seus trens.

A nova estação também possui um número maior de elevadores e banheiros para deficientes do que o antigo prédio. Sem data prévia, a Japan Railways informou que irá reconstruir uma réplica do edifício de madeira no mesmo local, incorporando materiais da estrutura que atende aos códigos de segurança.

HISTÓRIA

Após a abertura em 1924 , a Estação Harajuku conseguiu sobreviver ao bombardeio de Tóquio durante a Segunda Guerra Mundial e à implacável reconstrução que ocorreu na capital durante o período pós-guerra e nos anos de boom da economia da bolha. Apesar do bairro de Harajuku ser a linha de frente dos novos desenvolvimentos da moda no Japão, a Estação de Harajuku acabou se tornando a estação de madeira mais antiga de Tóquio.

Na verdade, não é a primeira vez que a Estação Harajuku é substituída , pois o prédio recentemente desativado também não era a Estação Harajuku original. Essa distinção realmente vai para a Estação Harajuku que foi construída em 1906 e substituída pela estação de segunda geração um ano após o Grande Terremoto de Kanto devastar Tóquio em 1923.

Fonte | SoraNews
Foto | Mehmet Aktugan

Categorias:Nacional, Notícias