Mais de 70% das pessoas planejam usar as doações de ¥ 100.000 em dinheiro do governo japonês para pagar necessidades e contas, de acordo com uma pesquisa da empresa Cross Marketing, realizada na última semana em diversas regiões do país.

De acordo com a pesquisa, 71,6% dos entrevistados disseram que vão usar o dinheiro para consumo e pagamento de contas. A enquete foi realizada com 2.500 residentes no Japão, com idades entre 20 e 69 anos.

O valor de 100 mil ienes será fornecido a todos os residentes, com mais de três meses no Japão, como um suporte à diminuição da renda em meio a pandemia do coronavírus.

Questionado sobre o que eles gastarão o dinheiro, com várias opções de respostas permitidas, 53% dos entrevistados (a maior proporção), citaram alimentos, seguidos por bens diários (37%), contas de energia (22%) e gastos com internet (18%). A proporção de pessoas que disseram que usarão o dinheiro para comprar itens necessários ou pagar contas ultrapassou 50% em todas as categorias de idade.

ECONOMIZAR

Apenas 36,8% dos entrevistados disseram que economizarão a quantia. Os dados mostraram que há uma tendência de que os entrevistados mais jovens tinham maior probabilidade de responder que colocariam o dinheiro no banco, com uma resposta dada por 51,6% das entrevistadas do sexo feminino na faixa dos 20 anos.

A pesquisa indica que os jovens querem economizar o máximo possível para se preparar para a queda de renda, disse a Cross Marketing.

INSCRIÇÃO ONLINE

Os cidadãos poderão se inscrever online antecipadamente ou aguardar o envio do formulário, pela prefeitura, através dos correios.

Fonte | Jiji Press