A Tokyo Disneyland e a Tokyo DisneySea reiniciarão suas operações em 1º de julho, depois de fechar por quatro meses devido à pandemia de coronavírus, informou terça-feira a operadora Oriental Land Co.

Os parques temáticos estão fechados desde o final de fevereiro. A medida ocorreu depois que o Japão suspendeu as restrições de negócios e viagens através das fronteiras da província em 19 de junho, a fim de conter a propagação do vírus.

A operadora começará a vender bilhetes, válidos apenas para uma data designada, em seu site a partir das 15h desta quinta-feira (24).

Os ingressos de data fixa permitirão aos visitantes entrar no parque em três horários diferentes para limitar a entrada em meio ao distanciamento social.

HORÁRIO E VALORES

O horário de funcionamento será mais curto do que o habitual, das 8h às 20h.

Para adultos, um ingresso de dia inteiro, que permite que os visitantes entrem no parque após as 8h, estará disponível por 8.200 ienes (US $ 77), enquanto o das 11h será vendido a 7.300 ienes.

No espaço para quem entra a partir das 14h, os ingressos custam 6.300 ienes.

Todos os visitantes devem passar por verificações de temperatura corporal e usar uma máscara facial para entrar no parque.

A operadora disse que administrará suas instalações e restaurantes para um número menor de visitantes do que o habitual, enquanto a maioria de seus shows e desfiles de entretenimento, incluindo a noite noturna de Tóquio Disneyland Electrical Parade Dreamlights, permanecerá cancelada.

A Oriental Land inicialmente planejou abrir uma nova parte do parque temático com o filme “A Bela e a Fera” em abril, mas disse que decidirá quando reabrir depois de monitorar a situação.

Fonte | Kyodo

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui