Um professor de 38 anos de Kakegawa foi preso na segunda-feira (24) por suspeita de filmar as partes íntimas de uma estudante de 17 anos, dentro de uma loja de conveniência em Iwata.

Teru Shibata, que trabalha para o setor de educação Shizu Nishi na prefeitura de Kakegawa, teria colocado o celular embaixo da saia da garota enquanto ela observava os produtos na prateleira.

Segundo a polícia, a mãe da estudante deu queixa do fato no dia 15 de julho, data do ocorrido, e após a polícia analisar as imagens do circuito interno da loja e demais locais, chegou até o professor nessa segunda-feira.

Ele foi detido e agora a polícia irá analisar as imagens do celular de Shibata.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

16 − um =