A cidade de Hamamatsu realizou testes de PCR em mais de 1.000 funcionários de restaurantes envolvendo entretenimento, em resposta ao surto em dois estabelecimentos, onde dezenas de pessoas foram infectadas por coronavírus.

Em agosto as autoridades pediram a cooperação para fornecer inspeções de PCR a 2.000 funcionários de 432 restaurantes da cidade, incluindo entretenimento, gratuitamente.

Como resultado, 1.024 pessoas de 154 lojas se inscreveram, e a cidade coletou saliva de 608 delas a partir do dia 25.

E até agora, 489 testes foram concluídos, todos negativos.

Yasutomo Suzuki, prefeito da cidade de Hamamatsu, disse em uma coletiva de imprensa que “não há pessoas infectadas no momento, por isso temos a percepção de que a infecção na cidade à noite não está se espalhando”.

Fonte | Shizuoka Shimbun e NHK

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

cinco + um =