O Peru abriu as ruínas de Machu Picchu para um único turista japonês depois que ele esperou quase sete meses para entrar na cidadela inca, enquanto estava preso no país andino durante o surto de coronavírus.

A entrada de Jesse Takayama nas ruínas ocorreu graças a um pedido especial que ele apresentou enquanto estava preso desde meados de março na cidade de Aguas Calientes, nas encostas das montanhas próximas ao local, disse o ministro da Cultura, Alejandro Neyra, nessa segunda-feira (12).

“Ele veio ao Peru com o sonho de poder entrar”, disse Neyra em entrevista coletiva virtual. “O cidadão japonês entrou junto com o nosso chefe do parque para que ele possa fazer isso antes de retornar ao seu país”.

121491030 10157647745237717 1454244334365242515 n - Peru abre Machu Picchu para um único turista japonês depois de quase sete meses de espera
Foto | Sharon Castellanos

Takayama, com seu tíquete em mãos desde março, entrou nas ruínas da cidade construída há mais de 500 anos no sábado (10) e se tornou o primeiro visitante em sete meses a poder caminhar pelo patrimônio mundial.

Seu plano original era passar apenas alguns dias no Peru para visitar Machu Picchu. “Isso é tão incrível! Obrigado!” disse Takayama em um vídeo gravado no topo da montanha Machu Picchu.

¡Sueño Cumplido! Turista de nacionalidad japonesa cumplió el sueño de visitar Machupicchu, gracias a la gestión realizada entre Dircetur, Ministerio de Cultura y Municipalidad de Machupicchu.

¡Sueño Cumplido!Jesse Takayama, turista de nacionalidad japonesa cumplió el sueño de visitar Machupicchu, gracias a la gestión realizada entre Dircetur, Ministerio de Cultura y Municipalidad de Machupicchu.El joven viajero no pudo acceder anteriormente a nuestra Llaqta debido a las restricciones por la pandemia, el hermano japonés quedó varado en Machupicchu Pueblo y luego de una prolongada espera por fin pudo concretar su anhelado sueño.Esta es una muestra de la manera como se debe coordinar entre instituciones para lograr un objetivo común y Dircetur Cusco va en ese camino de lograr la reactivación turística del Cusco.Fredy Deza De la Vega, Director de DIRCETUR – Cusco fue quien personalmente se encargó de las coordinaciones con el Jefe del Parque Arqueológico Nacional de Machupicchu , José Bastante para que el turista visite nuestro majestuoso Machupicchu cumpliendo con todos los protocolos. Dircetur Cusco, camino a la reactivacion turística de la región.#CuscoLugarDeSueños#CuscoDestinoSeguro#TuDircetur

Posted by Dircetur Cusco on Saturday, October 10, 2020

O ministro Neyra disse que em novembro as ruínas de pedra de Machu Picchu serão reabertas para turistas nacionais e estrangeiros, sem especificar a data. O local permitirá 30% de sua capacidade normal de 675 pessoas por dia.

“Ainda estamos no meio de uma pandemia”, disse Neyra. “Será feito com todo o cuidado necessário.”

QUEM É?

Natural de Osaka, Japão, Jesse é professor de boxe e um grande adepto de viagens. Agora também é o último turista em Águas Quentes. Pensava continuar a sua rota pela América do Sul, mas também não pode fazê-lo pelo encerramento das fronteiras. Hoje passa os seus dias a percorrer o povo e os seus arredores, e aproveita também para se exercitar.

Jesse está vivendo este tempo todo em Águas Quentes, apelando para suas poupanças. Vive num apartamento alugado e tem aulas de yoga com a proprietária do imóvel

Também tem dado aulas de boxe a crianças do local e saindo para fazer esporte para manter o seu estado físico. No Japão trabalhava numa academia e espera retomar o trabalho.

121330204 629732977703403 565677928815243257 n - Peru abre Machu Picchu para um único turista japonês depois de quase sete meses de espera
Peru abre Machu Picchu para um único turista japonês depois de quase sete meses de espera
Fonte | Reuters

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

11 − quatro =