A polícia da província de Shizuoka condecorou essa semana a pastora alemã Brunne, da cidade de Kikugawa, pelo seu primeiro ano em apoio às investigações policiais da região.

A cadela de quatro anos foi destaque na investigação do assassinato do brasileiro Marcos de Souza, de 44 anos, em fevereiro desse ano.

O crime ocorreu na porta da casa do brasileiro, em Kikugawa, e sua esposa também foi ferida pelo assassino.

A pastora alemã de quatro anos foi chamada para auxiliar nas investigações, e ao sinalizar a direção para onde o autor do crime tinha caminhado ajudou para a polícia chegar até o endereço do suspeito.

Essa foi a primeira missão de Brunne, e a polícia “renovou” seu contrato para o próximo ano, desde que seu dono e treinador, Kazuhei Sugiyama (69), continue focado no trabalho de faro e perseguição.

“Embora Brunne seja geralmente um amor, ela fez seu trabalho sem hesitar”, disse Sugiyama durante a cerimônia.

O diretor-geral de polícia da província, Yoshimi Kusugaya disse: “O poder da polícia é limitado. E com o auxílio dos cães podemos agragar na buscas de pessoas desaparecidas e elucidação de outros crimes envolvendo vítimas”, disse o diretor ao jornal Shizuoka Shimbun.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui