Os produtores de tangerina “Mikan” na cidade de Yuasa, província de Wakayama (oeste do Japão) começaram a usar máquinas que podem expor a fruta aos raios ultravioleta e deterioração lenta.

O aparelho foi desenvolvido pela Saika Technological Institute Foundation, uma fundação geral incorporada com sede na cidade de Wakayama.

mikan - Produtores japoneses de laranja usam raios ultravioleta para atrasar apodrecimento
Esta foto mostra a máquina que aplica raios ultravioleta em laranjas tangerina em Yuasa, província de Wakayama, em 16 de novembro de 2020. (Mainichi / Satoshi Mogami)

Para garantir que sua invenção pudesse ser instalada em linhas de remessa convencionais, a fundação tornou a máquina menor do que seu protótipo.

Os mikans na esteira passam pela máquina e são banhados por raios ultravioleta. A exposição faz com que a pele cítrica produza “escoparona”, um composto orgânico e um tipo de polifenol com efeito antibacteriano.

A fundação começou a desenvolver a máquina em 2017 e em 2019 publicou os resultados da pesquisa. O dispositivo pode aplicar ultravioleta a cerca de 700 quilos de tangerina mikan por hora.

Em seus experimentos, a fundação armazenou 40 laranjas tangerina que foram cortadas ao meio em 20 graus Celsius e 90% ou mais de umidade por uma semana. Um grupo de mikans foi tratado com raios ultravioleta, enquanto o outro não.

Eles descobriram que os mikans expostos à luz eram menos danificados e que, embora alguns tivessem apodrecido, a velocidade com que o faziam era mais lenta.

04 - Produtores japoneses de laranja usam raios ultravioleta para atrasar apodrecimento
O lado direito das mikans foram expostos aos raios ultravioletas

Mitsuhiro Oakada, um fazendeiro de mikans de 57 anos de Yuasa que envia seus produtos principalmente para supermercados na área metropolitana de Tóquio, implementou a máquina para aplicar raios ultravioleta aos mikans antes de serem encaixotados.

Ele expressou suas expectativas quanto à eficácia, dizendo: “Queria arriscar com a possibilidade de que a qualidade (dos mikans) melhore, mesmo que seja um pouco.”

A fundação também está desenvolvendo uma máquina para detectar laranjas com cicatrizes.

02 - Produtores japoneses de laranja usam raios ultravioleta para atrasar apodrecimento

Fonte | Mainichi
Fotos | Mainichi e divulgação

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui