O Ministério da Saúde do Japão relatou nessa segunda-feira (6), o primeiro caso de uma paciente que contraiu o coronavírus após ter recebido a primeira dose da vacina.

Segundo a emissora NHK, a profissional da área médica, na casa dos 20 anos, havia sido vacinada no final de fevereiro com a primeira dose da vacina Pfizer, e uma semana depois foi diagnisticada com Covid-19.

Um grupo de pesquisa está investigando o estado de saúde de cerca de 19.000 trabalhadores médicos que foram vacinados no Japão desde o final do mês de fevereiro, mas é a primeira vez que a infecção foi confirmada após a vacinação.

No caso da profissional, o relatório apontou que ela foi infectada “após seis dias da vacinação”. Os sintomas melhoraram e ela já teve alta hospitalar.

“Os anticorpos não aumentam imediatamente após a vacinação. Parece que vai demorar cerca de 14 dias para obter um certo nível de imunidade com a primeira vacinação. É preciso continuar com as medidas contra a infecção”, apontou relatório do grupo de pesquisa.

No mês passado, os centros de Controle e Prevenção de Doenças dos Estados Unidos disseram que mesmo as pessoas que foram vacinadas podem estar levemente infectadas, e que é necessário usar máscara em locais públicos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui